Recursos para o financiamento da educação

Na audiência pública para debater o PNE, relatado pelo senador Alvaro Dias (PSDB/PR), a segunda debatedora foi a professora da Faculdade de Educação da UnB, Cristina Helena Almeida de Carvalho. Ela falou, especialmente, sobre a Meta 20 do PNE, que trata do financiamento da educação.A professora fez uma análise dos marcos legais do financiamento, desde a Constituição de 88, com planos, transferências constitucionais e emendas que tentaram viabilizar recursos para o ensino.Cristina Helena destacou a importância da LDB – Lei de Diretrizes e Bases da Educação – e dos recursos transferidos, via impostos e recursos do petróleo, para o ensino. “Precisamos lembrar que estados e municípios recebem transferências de recursos da União e que, por sua vez, estados repassam parte da receitas de fundos para os municípios com o objetivo de tentar reduzir a desigualdade entre os entes federados. E os municípios têm que arcar sozinhos com a educação infantil. A existência de fundos é muito importante, mas não garante o fim da desigualdade”, disse.  A especialista destacou ainda a importância do PNE como instrumento de inclusão: “A meta do plano é atingir, em 10 anos, índice zero de analfabetismo e índice de 100% de alunos de 4 a 17 anos matriculados na escola. O nosso desafio é muito grande e, obviamente, envolve recursos”. Cristina também apresentou gráficos mostrando que o Brasil está em penúltimo lugar, na frente apenas do México, no ranking dos países que mais investem em educação, e defendeu a subordinação da política educacional à política fiscal; recursos para a educação vinculados ao superávit primário e a fundos e tributos , como o imposto sobre grandes fortunas, o fundo social e o petróleo. “Isso deve estar associado ao crescimento econômico do País”, disse.

Compartilhe este post

Facebook
Telegram
WhatsApp
Twitter
Email
Siga-nos nas redes sociais
Cadastre-se e seja notificado de todas as novidades do Portal.
Últimos posts
Podemos convida Alvaro Dias para ser candidato a presidente da República

Podemos convida Alvaro Dias para ser candidato a presidente da República

Marco On 5 de agosto de 2022 Featured Política

Durante a Convenção Nacional do Podemos, realizada neste domingo (31/07) em São Paulo, os integrantes do partido presentes no evento fizeram um convite ao senador Alvaro Dïas, aprovado de forma unânime por todos: que seja

Agência Câmara destaca projeto de Alvaro Dias que permite dedução no IR dos gastos com remédios

Agência Câmara destaca projeto de Alvaro Dias que permite dedução no IR dos gastos com remédios

Marco On 5 de agosto de 2022 Featured Política

A Agência Câmara de Notícias deu destaque ao projeto do senador Alvaro Dias que altera a legislação para permitir a dedução, no Imposto de Renda, das despesas com medicamentos de uso contínuo e de alto

Alvaro Dias aprova no Plenário 90 milhões de dólares para a educação no Paraná

Alvaro Dias aprova no Plenário 90 milhões de dólares para a educação no Paraná

Marco On 5 de agosto de 2022 Featured Política

O senador Alvaro Dias garantiu a aprovação, nesta quarta-feira (03/08), do seu relatório favorável à autorização para contratação de empréstimo de US$ 90,56 milhões do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) para o financiamento do Programa

Segue para sanção projeto de Alvaro Dias que garante a agricultores maior acesso a soluções tecnológicas

Segue para sanção projeto de Alvaro Dias que garante a agricultores maior acesso a soluções tecnológicas

Marco On 5 de agosto de 2022 Featured Política

Está seguindo nesta semana para sanção do presidente da República o projeto do senador Alvaro Dias que tem como objetivo permitir aos agricultores acesso rápido e abrangente às tecnologias desenvolvidas pela Empresa Brasileira de Pesquisa

Citações

O foro privilegiado é o protetor daqueles que praticam atos de corrupção e permanecem impunes.

Mais de 90% da população deseja o fim dos privilégios das autoridades.

Só com o fim do foro privilegiado podemos afirmar que todos serão iguais perante a lei.

O foro privilegiado é essa perversidade que impede uma mãe de assistir justiça com a condenação de um criminoso que assassinou o seu filho.

Vamos olhar mais para o campo. A agricultura será a salvação do Brasil no pós-pandemia. A agricultura será fundamental.

Ao longo do tempo, o Brasil valorizou pouco a agricultura, deveria ter valorizado mais.