Quadrilha do petrolão, cujo modo de operar foi revelado por Alvaro Dias, movimentou mais de 23 bilhões

Relatório do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), obtido pelo jornal “O Globo”, informa que pessoas físicas e jurídicas investigadas na Operação Lava-Jato fizeram movimentações consideradas atípicas no valor de R$ 23,7 bilhões entre 2011 e 2014. De acordo com o jornal, só em espécie, o Coaf identificou movimentação de R$ 906,8 milhões pelo grupo investigado. Ao todo, o órgão produziu 108 relatórios com alertas sobre possíveis irregularidades nas movimentações financeiras do doleiro Alberto Youssef, do ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa e das empreiteiras, e levantou a participação de pelo menos 4.322 pessoas e 4.298 empresas que, de alguma forma, participaram da movimentação dessa montanha de dinheiro extraída de fraudes em contratos com a estatal. A soma total envolve saques e depósitos.

Antes mesmo de ter acesso aos relatórios produzidos pelo Coaf, o senador Alvaro Dias já havia apresentado, ao participar das primeiras reuniões da CPI Mista da Petrobras, um mapa que mostra todas as conexões entre os envolvidos com falcatruas na Petrobras. O mapa, como demonstrou Alvaro Dias, revelava, de forma organizada, o roteiro da corrupção na maior empresa do País. De acordo com o trabalho, produzido pela assessoria técnica do senador, grandes empreiteiras, reunidas em cartel, combinavam preços de obras para a Petrobras. Com isso, contratos eram superfaturados, e parte do dinheiro do superfaturamento entre executivos da Petrobras e “operadores do esquema”. A propina, então, era repassada, por meio dos operadores, em diferentes porcentagens, para três partidos. O dinheiro da propina era usado em campanhas eleitorais dos partidos governistas.

“Podemos batizar este trabalho de mapa da mina, ou caminho das pedras, porque mostra a conexão de todas as denúncias e todos os fatos desde a origem, a fonte dos recursos e os desvios ocorridos, os valores envolvidos nas transações ilícitas que tem origem no cofre da Petrobras, e que foram descobertas pela Polícia Federal. O mapa revela até onde esses recursos chegaram na chamada lavanderia que se instalou para desviar milhões da estatal. Jamais vimos algo semelhante. Uma quadrilha, uma organização criminosa atuou com competência jamais vista no desvio de dinheiro da Petrobras”, disse o senador Alvaro Dias.

Compartilhe este post

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Siga-nos nas redes sociais
Cadastre-se e seja notificado de todas as novidades do Portal.
Últimos posts
Marinha brasileira se destaca no combate à pandemia do coronavírus

Marinha brasileira se destaca no combate à pandemia do coronavírus

Marco On 12 de fevereiro de 2021 Destaque, Política

Uma balsa com um tanque de 90 mil metros cúbicos de oxigênio líquido atracou, no último sábado, no Porto Encontro das Águas, terminal da Petrobras em Manaus (AM), acompanhada pelo Navio-Patrulha Fluvial “Roraima”, subordinado ao

Alvaro Dias envia ao ministro da Infraestrutura reivindicações do setor produtivo sobre novos pedágios no Paraná

Alvaro Dias envia ao ministro da Infraestrutura reivindicações do setor produtivo sobre novos pedágios no Paraná

Marco On 8 de fevereiro de 2021 Destaque, Política

O senador Alvaro Dias, após receber documento com reivindicações de entidades de classe, empresariais, da agroindústria, do setor de logística de transporte e da sociedade organizada, decidiu enviar ofício ao ministro da Infraestrutura, Tarsício Gomes

Projeto de Alvaro Dias estabelece eleição direta e maior transparência na OAB

Projeto de Alvaro Dias estabelece eleição direta e maior transparência na OAB

Marco On 8 de fevereiro de 2021 Destaque, Política

O senador Alvaro Dias apresentou projeto de lei (PL), esta segunda-feira (08/02), que estabelece eleições diretas para a Diretoria do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), além de promover outras mudanças que

Alvaro Dias apresenta voto de pesar pelo falecimento do ex-prefeito Salazar Barreiros

Alvaro Dias apresenta voto de pesar pelo falecimento do ex-prefeito Salazar Barreiros

Marco On 5 de fevereiro de 2021 Destaque, Política

O senador Alvaro Dias fez um requerimento solicitando a inserção do voto de pesar pela morte do ex-prefeito de Cascavel, oeste do Paraná, Salazar Barreiros, nos anais do Senado Federal, nesta sexta-feira (5/2). “Com a

Citações

O foro privilegiado é o protetor daqueles que praticam atos de corrupção e permanecem impunes.

Mais de 90% da população deseja o fim dos privilégios das autoridades.

Só com o fim do foro privilegiado podemos afirmar que todos serão iguais perante a lei.

O foro privilegiado é essa perversidade que impede uma mãe de assistir justiça com a condenação de um criminoso que assassinou o seu filho.

Vamos olhar mais para o campo. A agricultura será a salvação do Brasil no pós-pandemia. A agricultura será fundamental.

Ao longo do tempo, o Brasil valorizou pouco a agricultura, deveria ter valorizado mais.