Frente contra a corrupção pede pressa na votação do fim do foro

Parlamentares da Frente Ética contra a Corrupção (FECC) estiveram, nesta quinta-feira (21/2), com o presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia, para pedir urgência na votação da PEC do senador Alvaro Dias que acaba com o foro privilegiado para mais de 55 mil autoridades do País. O senador também participou da reunião.

A PEC, apresentada em 2013, já passou por todos os estágios de votação no Senado e nas comissões da Câmara, e só depende agora da aprovação dos deputados no plenário para virar realidade

O presidente da Câmara disse que vai reunir os líderes para buscar o consenso em relação à data para inclusão na pauta da Câmara.

“Viemos aqui com o pai da criança, o senador Alvaro Dias, para que o fim do foro privilegiado seja votado o mais rápido possível”, disse a presidente da Frente, a deputada Adriana Ventura (Novo-SP)

Para o autor da PEC, o senador Alvaro Dias, o fim do foro é a proposta mais importante que tramita no Congresso: “É a pauta mais importante porque vai ao encontro do que quer a sociedade brasileira: o fim dos privilégios dos políticos. O fim do foro é um salto civilizatório que põe fim à impunidade no País”, disse.

Alvaro Dias disse ainda que o Congresso não pode continuar fazendo papel de almoxarifado, apenas aprovando propostas do Poder Executivo e deixando que o Poder Judiciário legisle.

A Frente Ética contra a Corrupção reúne 215 deputados e 6 senadores de 24 partidos.

Foto Luiz Wolff

 

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no telegram
Telegram