Falta de dinheiro ameaça operações da Receita Federal

Com dificuldades para fechar as contas de 2013, o governo cortou gastos que comprometem o funcionamento da Receita Federal. Documentos internos do órgão obtidos pelo jornal O Estado de S.Paulo revelam que, nas últimas semanas, operações de repressão foram canceladas e programas de modernização da arrecadação entraram em marcha lenta.

As atividades de repressão foram suspensas, por exemplo, na 1.ª Região, que compreende o Centro-Oeste e Tocantins.  O corte afetou a operação Fronteira Blindada, de combate ao contrabando e pirataria.O Porto 24 Horas, anunciado este ano pelo governo como ícone da modernização após a aprovação do novo marco regulatório para o setor, também está com sua operação ameaçada. Até para pagar os Correios falta dinheiro.

As notícias sobre a precarização da Receita chegam num momento de crise de credibilidade na política fiscal. Em setembro, em vez de ter superávit primário, o País contabilizou déficit de R$ 9 bilhões. Para 2014, a Receita pediu R$ 3,5 bilhões, mas a proposta para o Orçamento prevê R$ 2,6 bilhões.

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no telegram
Telegram