E os bilionários empréstimos secretos a Cuba e Angola?

O Governo não consegue dar explicações para os empréstimos secretos bilionários a Cuba e Angola, realizados pelo BNDES. Questionei o governo em diversas oportunidades.  O relato que a seguir transcrevo é do articulista de Veja, Rodrigo Constantino: “Questionado em recente audiência no Senado, o presidente do banco, Luciano Coutinho, esboçou uma defesa hierárquica: “O BNDES não trata essas operações (de exportação) sigilosamente, salvo em casos como esses dois. Por que? Por observância à legislação do país de destino do financiamento.” O senador Alvaro Dias (PSDB-PR) interveio: “Então, deve o Brasil emprestar dinheiro nessas condições, atendendo às legislações dos países que tomam emprestado, à margem de nossa legislação de transparência absoluta na atividade pública?” O silêncio ecoou no plenário. Continuamos sem resposta!

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no telegram
Telegram