Discurso de Dilma não mudou opinião de senadores, afirma Alvaro Dias

“Que o encerramento do processo de impeachment não represente apenas a derrota de um ou outro partido, mas que ocorra a vitória do País”. A afirmação foi feita pelo senador Alvaro Dias, na manhã desta terça-feira (30), em entrevista à imprensa antes do início da sessão final do julgamento do impeachment de Dilma Rousseff. O senador disse aos jornalistas que não acredita que o discurso feito pela presidente afastada no Plenário acarrete mudanças significativas de opinião entre os parlamentares.

“Estamos vivendo aqui uma tentativa de virada de página no nosso País. E portanto, não creio em alterações significativas nas opiniões que já foram demonstradas tanto na pronúncia como na admissibilidade. Até porque o discurso de ontem da presidente afastada foi reprise do discurso da campanha eleitoral. Aquele discurso ufanista foi reprisado ontem, e na época da campanha ela teve sucesso e enganou as pessoas. Agora, os fatos desmontaram o discurso de Dilma. Eu não creio que depois da experiência que tivemos com o governo dela, de termos lidado com os números e fatos da administração dela, tenha espaço para alguém se iludir com o discurso de ontem no Plenário. Por isso não creio em qualquer reversão de expectativas”, afirmou o senador Alvaro Dias.

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no telegram
Telegram