O senador Alvaro Dias(PSDB/PR) foi o único oposicionista brasileiro a ser ouvido em matéria do Wall Street Journal sobre o pedido de recuperação judicial da OGX, controlada por Eike Batista. O processo de recuperação judicial da petroleira é o maior da história de uma empresa latino-americana, segundo dados da Thomson Reuters. Ao WSJ, Alvaro Dias disse que após “este fracasso de Eike Batista, o governo tem de analisar a forma como o BNDES é usado”. Segundo o Wall Street , o colapso é um embaraço para o governo da presidente Dilma Rousseff e para o  PT que, segundo o jornal, ” canalizou bilhões de dólares em empréstimos baratos e financiamento de capital para o grupo”. Grande parte dos empréstimos foi feito através do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social. Leia a matéria do WSJ