Defesa da CPI e críticas à declaração de Dilma, de que investigação na Petrobras é para “esconder a verdade”

Em pronunciamento no Plenário, o senador Alvaro Dias rebateu declaração da presidente Dilma Rousseff, de que a criação da CPI para investigar denúncias de irregularidades em operações da Petrobras teria caráter “eleitoreiro”. No Palácio do Planalto, em solenidade de posse de novos ministros, Dilma disse que “os aliados saberão agir para impedir que motivações meramente eleitorais acabem por atropelar a clareza e esconder a verdade”. O senador rechaçou a afirmação da presidente e afirmou que o Congresso não pode deixar de cumprir o seu dever, de fiscalizar e investigar o Executivo em busca da clareza e da verdade, apenas porque o país estaria passando por um período eleitoral.

“Queremos rechaçar a afirmação da presidente Dilma. Não há o propósito de natureza eleitoral no pedido de criação desta CPI para investigar a Petrobras. O que há é o cumprimento do dever constitucional do Congresso. Afinal, as instituições do País devem funcionar sempre, mesmo em anos eleitorais. Não é porque este é um ano de eleições que as instituições devem ficar paralisadas, sem exercitar suas prerrogativas, sem cumprir com seus deveres. Os parlamentares não podem abrir mão de suas prerrogativas de fiscalizar e investigar os atos do Poder Executivo apenas por conta do período eleitoral”, disse o senador.

No seu discurso, o senador Alvaro Dias relatou aos parlamentares o resultado de reunião de partidos de oposição realizada na manhã desta terça-feira (1º), em que se decidiu conferir prioridade à formação de uma CPI Mista de investigação da Petrobras. Segundo o senador, a intenção é a de se permitir que os deputados federais possam participar e contribuir com a apuração das denúncias de corrupção e irregularidades cometidas pela diretoria da estatal.

“É legítimo e conveniente que os deputados queiram participar da CPI, e certamente poderão prestar uma grande contribuição no aprofundamento das investigações exigidas para a responsabilização civil e criminal de eventuais envolvidos em desvios e ilícitos praticados, assim como de atos de corrupção e irregularidades na gestão da Petrobras nos últimos anos. Uma gestão temerária que levou a empresa a uma situação claudicante, com um endividamento exorbitante. O que se estabeleceu nessa reunião, portanto, é que continuaremos com os procedimentos necessários para a instalação da CPI do Senado. Não abrimos mão dessa alternativa; mas, evidentemente, se em tempo houver a coleta das assinaturas na Câmara dos Deputados, nós transformaremos essa CPI, exclusiva do Senado, em CPI mista com a participação dos deputados e senadores”, afirmou o senador.

Compartilhe este post

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Siga-nos nas redes sociais
Cadastre-se e seja notificado de todas as novidades do Portal.
Últimos posts
Marinha brasileira se destaca no combate à pandemia do coronavírus

Marinha brasileira se destaca no combate à pandemia do coronavírus

Marco On 12 de fevereiro de 2021 Destaque, Política

Uma balsa com um tanque de 90 mil metros cúbicos de oxigênio líquido atracou, no último sábado, no Porto Encontro das Águas, terminal da Petrobras em Manaus (AM), acompanhada pelo Navio-Patrulha Fluvial “Roraima”, subordinado ao

Alvaro Dias envia ao ministro da Infraestrutura reivindicações do setor produtivo sobre novos pedágios no Paraná

Alvaro Dias envia ao ministro da Infraestrutura reivindicações do setor produtivo sobre novos pedágios no Paraná

Marco On 8 de fevereiro de 2021 Destaque, Política

O senador Alvaro Dias, após receber documento com reivindicações de entidades de classe, empresariais, da agroindústria, do setor de logística de transporte e da sociedade organizada, decidiu enviar ofício ao ministro da Infraestrutura, Tarsício Gomes

Projeto de Alvaro Dias estabelece eleição direta e maior transparência na OAB

Projeto de Alvaro Dias estabelece eleição direta e maior transparência na OAB

Marco On 8 de fevereiro de 2021 Destaque, Política

O senador Alvaro Dias apresentou projeto de lei (PL), esta segunda-feira (08/02), que estabelece eleições diretas para a Diretoria do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), além de promover outras mudanças que

Alvaro Dias apresenta voto de pesar pelo falecimento do ex-prefeito Salazar Barreiros

Alvaro Dias apresenta voto de pesar pelo falecimento do ex-prefeito Salazar Barreiros

Marco On 5 de fevereiro de 2021 Destaque, Política

O senador Alvaro Dias fez um requerimento solicitando a inserção do voto de pesar pela morte do ex-prefeito de Cascavel, oeste do Paraná, Salazar Barreiros, nos anais do Senado Federal, nesta sexta-feira (5/2). “Com a

Citações

O foro privilegiado é o protetor daqueles que praticam atos de corrupção e permanecem impunes.

Mais de 90% da população deseja o fim dos privilégios das autoridades.

Só com o fim do foro privilegiado podemos afirmar que todos serão iguais perante a lei.

O foro privilegiado é essa perversidade que impede uma mãe de assistir justiça com a condenação de um criminoso que assassinou o seu filho.

Vamos olhar mais para o campo. A agricultura será a salvação do Brasil no pós-pandemia. A agricultura será fundamental.

Ao longo do tempo, o Brasil valorizou pouco a agricultura, deveria ter valorizado mais.