A fantasia e o ajuste da economia – Sugestão de Leitura

“Conduzir o Brasil no caminho de um novo ciclo de crescimento, ampliando as oportunidades para o nosso povo subir na vida”, são palavras ao vento da presidente da República, proferida no dia 7 de setembro, data da independência. O seu desejo é aspiração de todos os brasileiros conscientes do fato de ver o País trilhando a rota do crescimento econômico, fundamentado na justiça social. Infelizmente o seu governo é a antítese ao promover a situação atual, onde o baixo crescimento, explosão da dívida pública, endividamento assustador e inflação ascendente, é o fruto colhido pela política econômica primária e populista praticada nos últimos anos. Atestada pelo Banco Central, ao final de setembro, ao revelar realidade desalentadora gerada pela recessão econômica de 2015 e 2016 e que deverá contaminar os anos de 2017 e 2018. Atingindo em cheio a estabilidade econômica e inclusão social. Leia o artigo de Hélio Duque na Integra clicando aqui

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no telegram
Telegram